Como um projeto social com Energia Solar pode mudar o mundo

Nem sempre temos a verdadeira dimensão dos problemas que assolam o mundo em que vivemos. A pandemia nos trouxe outros olhos, outras formas de pensar e enxergar o que realmente importa, as pequenas coisas, as mais simples. Ter água potável, por exemplo, pode não ser uma questão para você. É algo simples, da qual muitas vezes não nos damos conta. Mas a realidade de cerca de 28% da população é bem diferente. E é exatamente aí, que um projeto de Energia Solar entra como, literalmente, divisora de águas.

A ONG Give Power instalou há pouco, uma usina movida a energia solar. Essa usina, transforma água do oceano, salgada, em água potável para uma pequena cidade no Quênia chamada Kiunga. Com isso, mudou a vida de cerca de 25 mil pessoas.

A Give Power instalou “uma fazenda solar de água” em Kiunga que, através dos painéis solares, colhe a energia so Sol para poder funcionar.

Esses painéis são capazes de produzir 50 quilowatts de energia e assim, conseguem produzir água potável 24horas por dia. É exatamente o que vem mudando a realidade dos moradores de Kiunga. Algo tão simples, que para muitos de nós não é nem uma questão no dia a dia, mais que para eles pode fazer uma grande diferença e ser um marco no desenvolvimento de toda uma sociedade que ainda em 2020 sofre com a falta de água potável.

Esse projeto de Energia Solar auxilia em muito mais do que matar a sede. A água até então utilizada para todos os fins, como cozinhar, tomar banho, lavar as roupas, eram carregadas de infecções e doenças que destruía famílias. A usina de energia solar mudou não somente a vida dessas pessoas, mas mudou o mundo em que elas vivem, em que nós vivemos.

A Falta de água potável

Apesar de 75% do nosso planeta ser constituído de água, somente 3% dessa água pode de fato ser consumida para higiene pessoal, consumo e limpezas.

Ainda sim, grande parte dessa água ou está congelada, ou no subsolo da Terra. A água potável que existe nos reservatórios e vai para as redes de distribuição corresponde a menos de 1%.

A pior parte é ainda a grande quantia de água potável que é perdida para as industrias que não pensam verde. Grande parte é perdida, contaminada por resíduos industriais e resíduos de aterros sanitários e lixões, por exemplo.

E você, já parou para pensar como pode mudar o seu mundo? Ou o mundo dos seus filhos, netos?

Deixe uma resposta

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: